Borrachinha terá maior teste da carreira contra Yoel Romero no UFC 230

0
170

Paulo “Borrachinha” Costa anotou nada menos do que quatro nocautes consecutivos desde a sua estreia no UFC, em março do ano passado. Nenhum dos combates chegou ao terceiro round. A primeira vítima do “atirador de elite” caiu no primeiro round e as outras três no segundo.

Após passar com certa facilidade pelo ex-campeão dos meio-médios Johny Hendricks e pelo “homem ambulância” Uriah Hall, no começo deste mês, com uma sequência avassaladora de socos, o ex-TUF manteve aa invencibilidade em 12 lutas e se credenciou a um teste mais “forte”.

Borrachinha vinha desafiando o ex-campeão dos médios Chris Weidman, número três da divisão, mas o Ultimate o presenteou com Yoel Romero, número um da categoria. Romero vem de derrota por decisão dividida em duelo pelo cinturão contra Whittaker, em junho. Eles medem forças no UFC 230, no dia 3 de novembro, em Nova Iorque.

Uma vitória sobre o cubano de 40 anos pode colocar o mineiro, visto por Dana White como a nova estrela brasileira, na tão sonhada disputa de cinturão. O atual campeão, Robert Whittaker, recupera-se de fraturas nos ossos das mãos e avisou que retornará somente em 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA