Cyborg supera Holm em duelo estratégico e Khabib atropela Edson Barboza

0
767

crisCris Cyborg fez uma luta inteligente e fechou a noite no UFC 219, neste sábado, véspera de Ano Novo, em Las Vegas, com vitória sobre Holly Holm, em um duelo de cinco rounds, bastante disputado, mantendo o cinturão dos pesos-penas por decisão unânime. Uma batalha de 25 minutos, em que Holly teve bons momentos, conectou golpes duros, incluindo os perigosos chutes altos. Mas, as melhores sequências foram de Cris, que se apresentou de forma mais contundente e continuou com o título da divisão.

Um duelo Brasil x Rússia marcou o coevento do UFC 219. Khabib Nurmagomedov provou mais uma vez que tem o melhor grappling da categoria peso-leve do UFC e que está mais do que na hora de disputar o cinturão. O russo não deu espaços para Edson Barbosa soltar o seu muay thai afiado e caçou o brasileiro no octógono. A estratégia de Khabib foi trabalhar encurtando, andando à frente, sempre pressionando, até levar a luta para a grade, aplicar quedas de diversas maneiras e castigar Barboza durante 15 minutos. Com uma performance para lá de dominante, Khabib comemorou a 25ª vitória da carreira invicta por decisão unânime e anotou o nono triunfo consecutivo no Ultimate. Na entrevista pós-luta, Khabib disse que irá enfrentar Tony Ferguson, campeão interino da divisão. Quanto a enfrentar McGregor, campeão linear, Khabib não mostrou nenhum tipo de motivação. Ele acredita que o irlandês ganhou muito dinheiro e para voltar e defender o título, somente depois de gastar esse dinheiro.

Lembrando que Matheus Nicolau abriu a noite e anotou vitória sobre Louis Smolka por unanimidade, marcando seu retorno ao cage após cumprir um ano de suspensão por doping. O ex-TUF havia lutado pela última vez em julho de 2016, saindo vitorioso. Nicolau, agora, soma três triunfos no Ultimate.

DEIXE UMA RESPOSTA