Ex-UFC Henrique Frankenstein analisa Karlos Vemola antes de duelo no Oktagon MMA

0
306

PEx-lutador do UFC, Henrique Frankenstein reencontrou o caminho das vitórias e está cada vez mais perto de ganhar um chance pelo cinturão do Oktagon MMA. Após nocautear o tcheco Jan Gottvald em junho, ele desafiou o campeão Karlos Vemola pelo cinturão dos meio-pesados da organização. Apesar do evento ter casado a luta, o título não estará em jogo na noite do dia 27 de julho, quando o brasileiro encara Vemola na luta principal da décima terceira edição do Oktagon MMA, que mais uma vez acontecerá na República Tcheca. 

“Após vencer a minha última luta eu desafiei o Vemola. Ele ainda não tinha adversário, aí eu me coloquei a disposição para enfrentá-lo. A luta não vai valer o título, mas eu não tenho dúvidas que vencendo essa luta eu ganharei uma chance pelo cinturão”, explicou o pernambucano.

Frankenstein vem de vitória no evento. Ele está com um cartel de 21 lutas, sendo 15 vitórias e seis derrotas. Bem mais experiente, o tcheco Karlos Vemola possuiu 31 lutas de MMA, sendo 26 vitórias e apenas cinco derrotas. E, além de também ter passagem pelo UFC, ele conquistou títulos em praticamente todas as organizações pelas quais passou.

“O Karlos Vemola é um cara bem experiente, muito forte, mas acredito na vitória. O treinamento para essa luta foi muito bom, estudamos o jogo do dele e vimos que ele é um cara que gosta de levar o combate para o solo. Ele gosta de derrubar e trabalhar o ground and pound. O Vemola é muito forte fazendo isso. Mas montamos uma boa estratégia para essa luta. Vou tentar anular as quedas dele e impor o meu jogo em pé. A minha expectativa é conseguir a vitória por nocaute”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA