Francis Ngannou tomba Junior Cigano no UFC Mineápolis; Demian vence a 21ª

0
159
Cigano tomba diante de N’Gannou em Mineápolis – Foto: UFC/Divulgação

Um trem africano desgovernado, de nome Francis Ngannou, passou pelo octógono do UFC Mineápolis no último sábado. Aos 71 segundos do primeiro round, a colisão. Junior Cigano desfere um overhand que passa no vazio e acaba ficando de costas para o rival. Ngannou aproveita o embalo e trabalha no contragolpe, pegando o brasileiro em cheio no queixo. A foto acima descreve bem o momento. Cigano erra e paga pelo erro em um piscar de olhos. Méritos totais do “Predador Africano”, o real apelido do aniquilador.

Após nocautear o terceiro ex-campeão dos pesados (Andrei Arlovki – 01/2017 e Cain Velasquez – 02/2019), Ngannou pediu uma nova disputa de cinturão. Lembrando, que em janeiro de 2018, Ngannou teve a oportunidade de desafiar o então campeão Stipe Miocic, mas acabou derrotado na decisão dos juízes.

Nas outras participações de brasileiros, Demian Maia, Ricardo Carcacinha e Amanda Ribas saíram com a vitória. Já Vinicius Mamute, Jussier Formiga e Junior Baby foram nocauteados.

Destaque para a 21ª vitória de Demian no Ultimate. Apesar de fazer uma luta travada contra o americano Anthony Rocco Martin, usando toda a sua experiência, sempre tentando levar para o Jiu-Jítsu, Demian conseguiu pontuar mais, colocar-se como quarto recordista de quedas da história do evento e levar por decisão majoritária.

UFC Mineápolis, Minessota (EUA)
Sábado, 29 de junho de 2019

Francis Ngannou venceu Junior Cigano por nocaute técnico a 1m11s do R1
Joseph Benavidez venceu Jussier Formiga por nocaute técnico aos 4m47s do R2
Demian Maia venceu Anthony Rocco Martin por decisão majoritária (29-28, 29-28 e 28-28)
Vinc Pichel venceu Roosevelt Roberts por decisão unânime (triplo 29-28)
Drew Dober venceu Marco Polo Reyes por nocaute a 1m07s do R1
Alonzo Menifield venceu Paul Craig por nocaute aos 3m19s do R1
CARD PRELIMINAR
Ricardo Carcacinha venceu Journey Newson por decisão unânime (triplo 30-27)
Eryk Anders venceu Vinicius Mamute por nocaute a 1m18s do R1
Jared Gordon venceu Dan Moret por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Dalcha Lungiambula venceu Dequan Townsend por nocaute técnico aos 42s do R3
Amanda Ribas venceu Emily Whitmire por finalização aos 2m10s do R2
Maurice Greene venceu Junior Albini por nocaute técnico aos 3m38s do R1

DEIXE UMA RESPOSTA