Knock Down Combat 2 consagra Geverson Bergamo e Rafael Lima como novos campeões

0
157

Em mais uma das tradicionais noites frias da cidade de Lages, na Serra Catarinense, o Knock Down Combat promoveu neste sábado, dia 13, a sua segunda edição, e revelou dois novos campeões, além de abrir as portas para os novos talentos mostrarem suas habilidades em preliminares de Muay Thai e MMA amador.

MMA_2462 cópia
Geverson Bergamo dedicou o cinturão aos companheiros de Team Tavares e ao filho (Foto: Valmir Silva)

 

Multicampeão no Muay Thai, Bergamo comemora o primeiro cinturão no MMA

Na luta principal, Geverson Bergamo e Junior “Pega Leve” Machado mediram forças pelo título dos pesos -meio-médios (até 77 kg). Bergamo começou melhor, pressionando Pega Leve com joelhadas no clinch.  O atleta da equipe Thai Rex respondeu com uma queda. Bergamo colocou a luta em pé, devolvendo a queda em seguida. Pega Leve movimentou o quadril e encaixou um triângulo.

O representante do Team Tavares suportou a posição e foi salvo pelo gongo. Bergamo voltou para o segundo disposto a definir e com uma “blitz” na trocação e sequência de joelhadas nocauteou Pega Leve. Após receber o cinturão, Bergamo reconheceu a enorme evolução desde que passou a treinar no Team Tavares e dedicou a conquista ao filho. Multicampeão no Muay Thai, Bergamo faturou o primeiro cinturão no MMA profissional.

Rafael Lima se emociona ao fazer homenagem de Dia dos Pais (Foto: Valmir Silva)

 

Rafael Lima aplica “nocautaço” e faz homenagem de Dia dos Pais

Em duelo pelo título peso-leve, o atleta de Agrolândia Rafael “Amil” Lima enfrentou o correia-pintense Marcos Garcia, que partiu para cima logo no começo, com chutes fortes na linha de cintura. Amil não tomou conhecimento da maior envergadura de Garcia e aguardou o momento oportuno para soltar um “overhand” à la Dan Henderson e sagrar-se campeão. Garcia chegou a apagar com o golpe, mas o árbitro central Ricardo Oliveira estava atento e interrompeu imediatamente. Após a emoção da vitória, Amil se emocionou ainda mais ao abraçar seu pai, Job Guiomar Lima, e oferecer-lhe o cinturão em homenagem ao Dia dos Pais.

Jovens revelações dão show no MMA amador

Nas preliminares a nova geração da luta em pé e do MMA deram um show de garra e técnica em confrontos amadores. Destaque para os atletas locais Eduardo Cardoso “Thiukinha” e Lucas Brugnago, que mostraram personalidade e atropelaram os visitantes. Thiukinha chegou à montada e desferiu socos para vencer Gabriel Lohan. Depois foi a vez de Brugnago aplicar um chute baixo na região lateral do joelho de João Pedro dos Santos. Ele acusou o golpe e não conseguiu continuar.

Duas revelações descobertas no projeto social de Eduardo Gomes “Duda” na filial da CM System em Itapema (SC), adicionaram mais uma vitória ao cartel cada. Considerado um dos lutadores com menor idade do mundo e com maior número de vitórias oficiais no MMA amador, Tiaguinho Albuquerque chegou a marca de dez triunfos invicto ao derrotar de forma apertadíssima Felipe Araújo, outro “diamante” que está sendo lapidado por Alessandro Lenhador, em Joinville (SC). Felipe aceitou a troca franca, aplicou quedas, mas na visão dos árbitros Tiaguinho apresentou mais volume de jogo e teve o braço erguido por decisão dividida.

Danimar Pastusak anotou a sexta vitória consecutiva contra Jonelso Marcondes. Eles saíram na mão literalmente, alternando golpes na curta distância. Jonelso entrou nas pernas para derrubar, suspendendo e projetando Danimar em uma bela queda. Ele se livrou do solo e em pé conectou um cruzado em cheio, decretando a vitória com socos em Jonelso já grogue.

A melhor finalização da noite saiu do combate entre o joinvilense João Felipe Borges e Luiz Fernando Lorenço. Os dois aceitaram es estudaram e trocaram chutes e socos nos dois primeiros rounds. João aplicou uma queda no segundo round e outra no terceiro. Na segunda, João estabilizou e quando Luiz tentou explodir ele aproveitou para esticar o braço do dono da casa em um justíssimo armlock.

Knockdown Down Combat 2
Ginásio Ivo Silveria, Lages (SC)
Sábado, 13 de agosto

MMA profissional

Cinturão 77kg – Geverson Bergamo (Team Tavares) venceu Junior “Pega Leve” (Thai Rex) por nocaute técnico (joelhadas e socos) no R2

Cinturão 70kg – Rafael Lima (Amil) venceu Marcos Garcia (Garcia Fight Team) por nocaute (soco) no R1

Danimar Pastusak (CM System Itapema) venceu Jonelso Marcondes (Lenhador Team) por nocaute (soco) no R1

Ricardo Sasseman (NU/Thai Gaspar) venceu Willian “Nego Loko” Castilho (Família Force Fight) por nocaute técnico (socos) no R1 – 2:33

MMA amador

Lucas Brugnago (Union Fight Team) venceu João Pedro dos Santos (Garra Team) por nocaute técnico (low kick) no R1 – 1:43

Tiago Albuquerque (CM System Itapema) venceu Felipe Araújo (Lenhador Team) por decisão dividida

Eduardo Cardoso (Uion Fight Team) venceu Gabriel Lohan (Família Force Fight) por nocaute técnico (socos) no R1 – 1:26

Cledisson Lopes (Garcia Fight Team) finalizou Renato Gabriel (Lenhador Team) com um mata-leão no R1 – 2:27

João Felipe Borges (Team Nogueira) finalizou Luiz Fernando Lorenço (Union Fight Team) com um armlock no R3

DEIXE UMA RESPOSTA