“Queridinho” de Dana, Sage Northcutt é demitido e deve assinar com One FC

0
151

Queridinho do UFC, Sage Nothcutt chegou com o moral elevado, mas não demorou para que a organização notasse que o garoto não era exatamente tudo aqui o que esperavam.

Após cinco vitórias, quatro no primeiro round, Northcutt foi contratado por Dana White e estreou no UFC 192, em outubro de 2015 atropelando Francisco Trevino com socos e cotoveladas em menos de um minuto, enchendo os olhos do patrão.

Em dezembro do mesmo ano, o americano voltou a vencer, dessa vez Cody Pfister, com uma guilhotina no segundo round. O ano seguinte não seria muito bom para Northcutt, que venceu apenas uma das três lutas que fez.

Northcutt voltou ao octógono em 2017, praticamente um ano depois da derrota contundente para Mike Hall. O peso-leve derrotou Michel Quiñones por decisão.

Já em 2018, o jovem de 22 anos derrotou o francês Thibault Gouti por decisão e Zak  Ottow por nocaute.

Northcutt somava então três vitórias consecutivas e mirava novos desafios, mas o UFC decidiu não renovar o contrato do representante da Team Alpha Male para 2019. Dana White falou em evolução. Northcutt ainda não se pronunciou, mas pode ser que o garoto tenha pedido aumento e não chegou a um acordo.

– Sage é jovem e precisa trabalhar – destacou Dana White.

– Deixe-o trabalhar em outras organizações e veremos onde esse garoto acabará daqui a alguns anos. Talvez poderemos trazê-lo de volta novamente – revelou o presidente ao podcast “UFC Unfiltered” nesta semana.

Agora é aguardas para saber quem será a primeira organização a assinar com a jovem promessa, que está apenas começando a carreira (22 anos, 11 vitórias, 2 derrotas). No último dia 9, Northcutt postou uma foto ao lado do presidente do One FC, em Singapura, e tudo indica que o americano irá para o evento asiático.

DEIXE UMA RESPOSTA