Ronaldo Jacaré enfrenta 14º do ranking no UFC 208: “Para não ficar parado”

0
576
Curitba - PR - 12/05/2016 - MEDIA DAY UFC 198 - Lutadores durante entrevistas e encaradas no Media Day para o  UFC 198 Foto: Jason Silva
Jacaré promete enfileirar oponentes – Foto: Jason Silva

Ronaldo “Jacaré” Souza segue na corrida por uma chance de disputar o cinturão dos pesos-médios do UFC. Após acumular cinco vitórias na organização, o brasileiro tropeçou diante do cubano Yoel Romero, em uma decisão apertada dos juízes e contestada por Jacaré.

A recuperação veio no confronto com Vitor Belfort, no UFC 198, em Curitiba, em maio do ano passado, mês em que o faixa-preta campeão mundial absoluto de Jiu-Jítsu completou três anos de casa.

Jacaré fez um monólogo do “Fenômeno”, não tomou conhecimento e o castigou no ground and pound, determinando o nocaute técnico no primeiro round. De olho nos ex-campeões dos médios Luke Rockhold e Chris Weidman, em uma revanche com Romero e no campeão Michael Bisping, Jacaré almeja grandes desafios, com o objetivo de se tornar campeão, obviamente.

Mas, enquanto a oportunidade não chega, o capixaba entra em ação contra quem o patrão, Dana White, escolher. Agora, Jacaré, terceiro colocado do ranking enfrenta Tim Boetsch (14º) no UFC 208, no dia 11 de fevereiro, no Brooklyn, em Nova Iorque.

Em entrevista ao Combate.com, Jacaré pregou respeito a Boetsch, elogiou o wrestling e as mãos pesadas do americano e salientou: “Tenho que entrar ligado. Se eu piscar, poderei dar uma piscada longa, daquelas de acordar depois de muito tempo” (risos).

O ex-campeão do extinto Strikeforce disse ainda, que aceitou a luta com Boetsch para não ficar parado. Em sua análise, atletas ranqueados que ficaram inativos por muito tempo não tiveram bons retornos. Jacaré mostrou a confiança de sempre e promete vencer quem for preciso para alcançar o título.

“O cinturão vai acontecer quando tiver que acontecer. A intenção é pegar todo mudo, enfileirar a divisão toda. Quero bater em todos, até o UFC me dar a oportunidade que mereço”.

UFC 208
11 de fevereiro, no Brooklyn (EUA)
CARD DO EVENTO (até o momento):
Peso-pena: Holly Holm x Germaine De Randamie
Peso-pesado: Derrick Lewis x Travis Browne
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Tim Boestch
Peso-meio-pesado: Glover Teixeira x Jared Cannonier
Peso-leve: Dustin Poirier x Jim Miller
Peso-mosca: Ian McCall x Neil Seery
Peso-mosca: Wilson Reis x Yuta Sasaki
Peso-pesado: Luis Henrique KLB x Marcin Tybura
Peso-médio: Roan Jucão x Ryan LaFlare
Peso-leve: Nik Lentz x Islam Makhachev
Peso-meio-médio: Randy Brown x George Sullivan
Peso-leve: Gilbert Durinho x Paul Felder
Peso-pena: Phillipe Nover x Rick Glenn

DEIXE UMA RESPOSTA