Sonnen supera Wand de forma dominante e Mitrione nocauteia Fedor no Bellator 180

0
765
Sonnen e Mitrione vencem lendas e fazem histórias - Fotos: Bellator
Sonnen e Mitrione vencem lendas e fazem histórias – Fotos: Bellator

Chael Sonnen conseguiu impor o seu jogo de grappling e dominar Wanderlei Silva nos três rounds. O americano trabalho trabalhou golpes de dentro da guarda e da meia, esboçou ataques na kimura e chegou a montar. O melhor momento de Wand foi um knockdown. Ele conectou um cruzado na têmpora de Sonnen e viu o rival desabar. Wand partiu para cima na tentativa de dar sequência, mas logo o falastrão se recuperou e raspou.

Sonnen fintou na trocação no começo de todos os assaltos, em seguida fazendo entradas bem sucedidas nas pernas de Wand, que respondia com guilhotinas, sempre defendidas. Ambos com 40 anos de idade, mostraram bastante disposição. Enquanto Sonnen comemorava a vitória dominante, Wand xingava aos quatro ventos, chegando a empurrar o americano durante a entrevista.

No duelo de pesos-pesados, a lenda Emelianenko Fedor e Matt Mitrione tiveram um início cadenciado, cheio de cautela. Ambos sabem que quando a mão entra é fim de luta. A mão realmente entrou, mas de ambos ao mesmo tempo. Aconteceu algo jamais previsto. Fedor e Mitrione acertaram as bombas ao mesmo tempo e caíram um para cada lado.

O ex-jogador de futebol americano conseguiu se recuperar imediatamente e partiu para cima de Fedor ainda caído. Com uma sequência avassaladora de socos, Mitrione soube aproveitar os segundo em que Fedor estava grogue e definiu a vitória, a mais importante de sua carreira.

O brasileiro Douglas Lima conseguiu impor o ritmo contra o desafiante Lorenz Larkin, aproximou-se do nocaute após um knockdown, mas ficou com a vitória mesmo na decisão unânime dos juízes. Ryan Bader atuou de forma estratégica e tomou o cinturão dos meio-pesados de Phil Davis, vencendo o compatriota pela segunda vez por decisão unânime.

Bellator 180
24 de junho, em Nova York (EUA)
CARD PRINCIPAL:
Chael Sonnen venceu Wanderlei Silva por decisão unânime (30-26, 30-27 e 30-27)
Neiman Gracie venceu Dave Marfone por finalização aos 2m27s do R2
Matt Mitrione venceu Fedor Emelianenko por nocaute técnico a 1m14s do R1
Brent Primus venceu Michael Chandler por nocaute técnico (interrupção médica) aos 2m22s do R1
Zach Freeman venceu Aaron Pico por finalização aos 24s do R1
Douglas Lima venceu Lorenz Larkin por decisão unânime (50-45, 48-47 e 48-47)
Ryan Bader venceu Phil Davis por decisão dividida (49-46, 47-48 e 49-46)
Peso-pena: James Gallagher venceu Chinzo Machida por finalização aos 2m42s do R1
Peso-mosca: Heather Hardy venceu Alice Yauger por nocaute aos 4m47s do R3
CARD PRELIMINAR
Ryan Couture venceu Haim Gozali na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)
Bradley Desir venceu Nate Grebb por nocaute aos 2m54s do R1
Anthony Giacchina venceu Jerome Mickle por finalização aos 3m47s do R3
Matt Rizzo venceu Sergio da Silva por finalização aos 3m48s do R3
Hugh McKenna venceu John Salgado por finalização aos 4m06s do R1

DEIXE UMA RESPOSTA