Tanquinho sobra na trocação e vence a primeira para o Brasil no UFC em 2017

0
1259
Tanquinho supera Saenz em luta equilibrada - Foto: Divulgação
Tanquinho supera Saenz em luta equilibrada – Foto: Divulgação

Especialista na arte suave, Augusto “Tanquinho” Mendes deixou as finalizações de lado e mostrou grande evolução ao conduzir o duelo com Frankie Saenz praticamente todo em pé no card preliminar do UFC Fight Night 103, neste domingo, direto de Phoenix, Arizona (EUA).

Tanquinho não lutava desde a derrota na estreia para Cody Garbrandt, no início de 2016. Neste tempo o brasileiro passou por uma cirurgia no joelho e abriu a própria academia nos EUA – em seguida manteve o foco nos treinos, principalmente no boxe e muay thai.

Com o ex-campeão dos leves do UFC Benson Henderson no córner, Tanquinho fez uma luta franca e movimentada, empolgando o público presente na Arena Talking Stick. Tanquinho saiu em vantagem no primeiro assalto, apresentando maior volume em cima e aplicando duas quedas. Saenz teve o seu melhor momento no segundo round, quando surpreendeu o faixa-preta com uma cotovelada do clinche.

Tanquinho desabou, mas conseguiu recobrar os sentidos rapidamente. Com a luta de volta ao centro do cage, Tanquinho partiu para cima e conectou uma ótima sequência de socos. Saenz precisou recuar e o brasileiro aproveitou para pressioná-lo. Ambos mantiveram o ritmo frenético no terceiro, mas novamente a pequena vantagem foi “verde-e-amarela”.

Após 15 minutos de embate, os juízes apontaram Tanquinho o primeiro brasileiro a vencer no UFC em 2017, por decisão dividida. Pela reação do público e pela repercussão nas redes sociais, Tanquinho x Saenz pode levar o bônus de “Melhor Luta da Noite”.

DEIXE UMA RESPOSTA