Thales supera Sam Alvey a lá “Rizzo” e St. Preux finaliza Pezão no UFC Nashville

0
286
Apr 22, 2017; Nashville, TN, USA; Thales Leites (red gloves) fights Sam Alvey (blue gloves) during UFC Fight Night at Bridgestone Arena. Mandatory Credit: Christopher Hanewinckel-USA TODAY Sports
Thales investe em estratégia com chutes para vencer Alvey – Christopher Hanewinckel-USA TODAY Sports

Thales Leites anotou mais uma vitória importante em sua carreira ao passar pelo striker Sam Alvey neste sábado, na última preliminar do UFC Fight Night 108, em Nashville (EUA). Alvey que tem o apelido de “Sorriso”, perdeu a graça já no primeiro chute de Thales, um potente low kick na perna esquerda do americano. A canelada certeira minou a resistência do rival. Alvey passou a mancar, mas resistiu combatendo até o fim. Ele chegou a levar perigo nos contra-ataques. Thales manteve a estratégia de chutar a lá Pedro Rizzo, procurando rodar sem se expor na trocação franca.

Marcos Rogério de Lima, o Pezão, chegou a vencer o primeiro round contra o duríssimo Ovince St. Preux, o maior desafio da carreira do paulista. Um descuido no segundo custou caro a Pezão. OSP segurou um de seus chutes e aproveitou para castigá-lo no ground and pound. Na tentativa de manter o brasileiro de costas no solo, OSP baixou a cabeça demais e Pezão aproveitou para fechar uma gilhotina. O americano, especialista em defender a posição já atacando, forçou o peso do corpo em cima do ombro de Pezão, que foi forçado a dar os três tapinhas na espécie de chave que pega na omoplata.

Na luta principal da noite, Cub Swanson voltou a dar show no octógono e com a sua trocação “insana”, quedas e muita pressão no ground and pound superou o pupilo de Conor McGregor Artem Lobov por decisão unânime.

UFC Fight Night
22 de abril, em Nashville (EUA)
CARD PRINCIPAL
Cub Swanson venceu Artem Lobov por decisão unânime (49-46, 49-46, 50-45)
Al Iaquinta venceu Diego Sanchez por nocaute a 1m38s do R1
Ovince Saint Preux venceu Marcos Pezão por finalização aos 2m11s do R2
John Dodson venceu Eddie Wineland por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27)
Stevie Ray venceu Joe Lauzon por decisão majoritária (29-27, 28-27, 28-28)
Mike Perry venceu Jake Ellenberger por nocaute a 1m05s do R2
CARD PRELIMINAR
Thales Leites venceu Sam Alvey por decisão unânime (triplo 30-27)
Brandon Moreno venceu Dustin Ortiz por finalização aos 4m06s do R2
Scott Holtzman venceu Michael McBride por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-26)
Danielle Taylor venceu Jessica Penne por decisão unânime (triplo 29-28)
Alexis Davis venceu Cindy Dandois por decisão unânime (triplo 29-28)
Bryan Barberena venceu Joe Proctor por nocaute técnico aos 3m30s do R1
Hector Sandoval venceu Matt Schnell por nocaute aos 4m24s do R1

DEIXE UMA RESPOSTA