UFC 209: Woodley vence Thompson em luta morna “parte 2” e mantém cinturão

0
237
Woodley atacou para nocautear no quinto e impressionou juízes - Foto: Divulgação
Woodley atacou para nocautear no quinto e impressionou juízes – Foto: Divulgação

Após um empate majoritário no UFC 205, Tyron Woodley e Stephen Thompson voltaram a se enfrentar pelo cinturão dos meio-médios, neste sábado (4), no UFC 209, em Las Vegas (EUA).

Aos fãs que assistiram ao duelo, mais pareceu o replay do primeiro confronto. Foram quatro rounds disputados com muita cautela e respeito mútuo e aceleração máxima no quinto e mais emocionante.

A postura dos atletas novamente transformou o que era para ser um grande show, em uma luta “morna”. A diferença é que desta vez o campeão não deixou dúvidas nos juízes laterais e confirmou a vitória por decisão majoritária. Woodley mesmo garantiu que a performance não foi empolgante. “Optei por fazer uma luta segura”, revelou na coletiva pós-combate.

Woodley teve o seu melhor momento quando aplicou uma bela queda no terceiro round e trabalhou por cima e no quinto e último, quando conseguiu conectar uma combinação de socos e chegar bem próximo do nocaute.

Thompson repetiu o estilo carateca, tentou dominar o centro do cage. Em uma de suas melhores investidas, o desafiante acertou um chute alto na cabeça de Whoodley e o fez afrouxar as pernas, rapidamente se recompondo. Thompson exercitou o legítimo “bate e sai”, sempre levando perigo a Woodley, que demonstrou frieza e entendimento do jogo do rival.

Tyron Woodley venceu Stephen Thompson por decisão majoritária
David Teymur venceu Lando Vannata por decisão unânime
Dan Kelly venceu Rashad Evans por decisão dividida
Cynthia Calvillo venceu Amanda Cooper por finalização aos 3m19s do R1
Alistair Overeem venceu Mark Hunt por nocaute aos 1m44s do R3
CARD PRELIMINAR
Marcin Tybura venceu Luis Henrique KLB por nocaute técnico aos 3m46s do R3
Darren Elkins venceu Mirsad Bektic por nocaute técnico aos 3m19s do R3
Iuri Marajó venceu Luke Sanders por finalização aos 3m13s do R2
Mark Godbeer venceu Daniel Spitz por decisão unânime
Tyson Pedro venceu Paul Craig por nocaute técnico aos 4m10s do R1
Albert Morales venceu Andre Soukhamthath por decisão dividida

DEIXE UMA RESPOSTA