UFC Japão: Jessica dá show e atropela Claudinha em luta sangrenta; St-Preux apaga Okami no “Shoulder”

0
616
21766678_1960994913915111_1333349924251229788_n
St-Preux aplica o terceiro Shouder Choke da carreira – Foto: UFC

O UFC voltou à Saitama Super Arena nesta sexta-feira, o território imortalizado pelo extinto Pride. Na luta principal Ovince St-Preux repetiu a sua posição favorita e fez a sua terceira vítima. Yushin Okami, contratado às pressas para substituir Maurício Shogun, acabou dormindo no estrangulamento conhecido como Shoulder Choke – finalização feita por cima pressionando o ombro no pescoço do adversário. Merecidamente, St-Preux recebeu a premiação extra de 50 mil dólares pela “Finalização da Noite”.

21761362_1960994580581811_522710012162529014_n
Jessica ignora guilhotina e arremessa Gadelha – Foto: UFC

Jessica Andrade atropela Claudinha Gadelha em luta sangrenta

Jessica Andrade demorou um pouco para encontrar a distância, mas depois disso, passou a dominar totalmente o combate com a compatriota Claudia Gadelha. As ex-desafiantes ao título peso-palha protagonizaram uma verdadeira guerra. Gadelha aplicou combinações rápidas e precisas, causando um corte na testa de Jessica logo no início. Mesmo com o sangue escorrendo sobre o olho, Jessica continuou andando para frente trocando golpes e buscando a queda.

Jessica conseguiu empatar o round faturando pontos importantes no ground and pound. Claudia voltou mais cansada para o segundo e Jessica seguiu o plano: pressionar em pé, derrubar e castigar. A paranaense de Umuarama realmente ditou o ritmo. Ela acabou devolvendo um corte na face de Claudinha, que também sangrou bastante. Ao final da melhor luta do UFC Japão, Jessica teve o braço erguido por decisão unânime dos juízes. As brasileiras receberam o bônus de 50 mil dólares cada pela “Luta da Noite”.

21617993_1960994193915183_2027294225339213300_n
Formiga finaliza e pede nova chance pelo título – Foto: UFC

Formiga vai de jiu-jítsu e pede nova disputa de título

Jussier Formiga teve uma atuação de gala. O natalense abriu o card principal com finalização sobre o atleta da casa Yuta Sasaki. Especialista em jiu-jítsu, Formiga fez a transição para as costas e ajustou o mata-leão aos 4min30s do R1.

21766599_1960994353915167_1436084007013563400_n
Gokhan Saki estreia com nocaute sobre Frankenstein – Foto: UFC

Lenda da luta em pé, Gokhan Saki nocauteia Frankenstein

Henrique Frankenstein aceitou “sair na mão” com uma lenda da luta em pé e pagou o preço. Gokhan Saki defendeu as tentativas de queda do brasileiro e manteve o duelo em cima. Saki sofria um ataque frenético, parecia grogue contra as grades, mas a experiência do K-1 ajudou a suportar e a surpreender Frankenstein com um cruzado no queixo. Estava declarado o nocaute na estreia do striker nato. Saki teve um motivo a mais para comemorar com o bônus de “Nocaute da Noite” – 50 mil dólares no bolso.

UFC Japão
22 de setembro, em Saitama
CARD PRINCIPAL:
Ovince St-Preux venceu Yushin Okami por finalização a 1m50s do R1
Jéssica Andrade venceu Cláudia Gadelha por decisão unânime (30-25, 30-26, 30-27)
“Maestro” Dong Hyun Kim venceu Takanori Gomi por nocaute a 1m30s do R1
Gokhan Saki venceu Henrique Frankenstein por nocaute aos 4m45s do R1
Teruto Ishihara venceu Rolando Dy por decisão unânime (28-27, 28-27, 29-27)
Jussier Formiga venceu Yuta Sasaki por finalização aos 4m30s do R1
CARD PRELIMINAR:
Keita Nakamura venceu Alex Morono por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Syuri Kondo venceu Chan Mi Jeon por decisão dividida (28-29, 30-27, 30-27)
Shinsho Anzai venceu Luke Jumeau por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)
Daichi Abe venceu Hyun Gyu Lim por decisão unânime (triplo 29-28)

DEIXE UMA RESPOSTA