UFC Norfolk: Cezar Mutante, Raphael Assunção e Marlon Moraes vencem

0
122

O card do UFC Norfolk, realizado no estado da Virginia, neste sábado (11), contou com a participação de seis brasileiros, mas apenas três saíram vitoriosos. Na luta principal Anthony Pettis e Dustin Poirier travaram uma guerra, digna do bônus da noite recebido pelos protagonistas do show à parte.

23380000_2074468412567760_7500946902528908041_n

O primeiro a entrar em ação foi o catarinense Marcel Fortuna, derrotado para Jake Collier por decisão unânime. Fortuna atacou mais nos dois primeiros rounds, Collier cresceu no terceiro, mas não fez o suficiente para virar. A decisão controversa dos juízes deixou o catarinense e sua equipe boquiabertos.

23519093_2074468762567725_2218443342965248589_nNa sequência, Viviane Sucuri sucumbiu ao wrestling e ao ground and pound de Fabiana Suarez, que aplicou quedas e castigou a brasileira durante os 15 minutos de luta. Essa foi a primeira derrota de Sucuri em 14 combates, enquanto Fabiana mantém a invencibilidade em cinco confrontos.

23517507_2074468802567721_6602808191107202606_nMarlon Moraes encaixou a estratégia perfeita, aplicou chutes fortes e venceu John Dodson por decisão dividida. O ex-campeão do WSOP aproveitou para desafiar Jimmie Rivera, que após a lesão de Dominick Cruz ficou sem adversário para o UFC 219, dia 30 de dezembro, em Las Vegas. Marlon apontou para Sean Shelby, responsável por casar as lutas e pediu o contrato para assinar.

23559460_2074469199234348_7440509299361595610_n Já Raphael Assunção conectou uma bomba em Matthew Lopez e chegou ao nocaute a 1min50s do R3. Além de faturar o bônus de “Performance da Noite” e levar 50 mil dólares para casa, o brasileiro pediu uma revanche com o campeão dos galos, TJ Dillashaw.

23434872_2074469529234315_6357200874554014652_nO peso-pesado Junior Baby respeitou demais o ex-campeão da categoria Andrei Arlovski e fez um duelo um pouco morno. Arlovski foi mais efetivo, buscou mais o embate e teve o braço erguido por decisão unânime. Baby nitidamente fez um jogo mais trava e não conseguiu se soltar como na estreia.

23472793_2074469299234338_8064651167548506571_nCezar Mutante superou o experiente Nate Marquardt por decisão dividida, fechando as participações brasileiras no card. O duelo foi bastante equilibrado e caso os juízes dessem para o americano não seria nada anormal.

Na luta principal, Dustin Poirier venceu o ex-campeão dos leves Anthony Pettis por nocaute técnico. Pettis bateu em desistência com dores nas costelas no terceiro round. Ambos engordaram o bolso com o bônus de “Melhor luta da noite”.

UFC Norfolk
11 de novembro, em Norfolk (EUA)

Dustin Poirier venceu Anthony Pettis por nocaute técnico aos 2m08s do R3
Matt Brown venceu Diego Sanchez por nocaute aos 3m44s do R1
Andrei Arlovski venceu Júnior Albini por decisão unânime
Cezar Mutante venceu Nate Marquardt por decisão dividida
Raphael Assunção venceu Matthew Lopez por nocaute a 1m50s do R3
Clay Guida venceu Joe Lauzon por nocaute técnico a 1m07s do R1
Marlon Moraes venceu John Dodson por decisão dividida
Tatiana Suarez venceu Viviane Sucuri por decisão unânime
Sage Northcutt venceu Michel Quiñones por decisão unânime
Nina Ansaroff venceu Angela Hill por decisão unânime
Sean Strickland venceu Court McGee por decisão unânime
Jake Collier venceu Marcel Fortuna por decisão unânime
Karl Roberson venceu Darren Stewart por finalização aos 3m41s do R1

 

DEIXE UMA RESPOSTA