Vídeo: Buscapé aceita desafio em cima da hora no Titan FC, adoece e vence na superação

0
548
Buscapé supera enfermidade e agradece pela superação no Titan FC - Foto: Titan Fc
Buscapé supera enfermidade e agradece pela superação no Titan FC – Foto: Titan Fc

Leandro Buscapé se superou no último final semana ao sair vitorioso no Titan FC 52, na Flórida. O peso-leve aceitou o desafio de enfrentar o atleta do Quirguistão Tilek Mashrapov (9-3) na categoria de cima faltando seis dias para o evento, realizado na última sexta-feira (25), em Fort Lauderdale, na Flórida. Buscapé só não esperava que a dor de garganta e a febre o atacassem antes de chegar ao octógono. Acostumado a driblar as dificuldades sejam elas lesões, financeiras, falta de luta, o brasileiro nem pensou em desistir.

Após sofrer para bater o peso na quinta, Buscapé chegou meio debilitado para o combate, sentiu-se um pouco mais lento e cansou meio-rápido, devido as medicações. Eles trocaram golpes francos em pé, o brasileiro arriscou chutes altos, mas Tilek achou espaço e partiu com tudo para cima, acertando uma sequência de socos em cheio. Buscapé ficou encurralado nas grades, mas arrancou fôlego lá do fundo e conseguiu sobreviver ao sufoco.

No segundo, Tilek continuava crescendo, pressionando, Buscapé parecia lutar no “automático”, até que aos quatro minutos e 30 segundos do segundo, o paulista fez a pegada do clinch do Muay Thai e projetou a cabeça do quirguiz para o lado, na técnica, abrindo caminho para duas joelhadas seguidas. Tilek sentiu, balançou e Buscapé atravessou o cage em sua caça, definindo com mais uma saraivada de socos para em seguida comemorar muito com o córner.

– Aceitei a luta na categoria de cima (77 kg) com menos de uma semana. Fiquei muito doente. A garganta atacou. Tomei anti-inflamatório. Não conseguia dormir direito. Foi um ‘parto’ para bater o peso. Ontem não consegui dormir nada. Tomei dois Ibuprofenos (indicado para febres e dores) e fui pro pau. Humanamente falando eu não teria condições de lutar, mas Deus é maravilhoso – destacou o paulista, radicado na Flórida, com passagens pelo UFC e recentemente pelo ACB.

Assista ao nocaute do brasileiro:

DEIXE UMA RESPOSTA