Vitor Miranda revela demissão do UFC e aponta novos rumos

0
622
Vitor Miranda se conforma com saída do UFC e mira nova casa - Foto: Jason Silva
Vitor Miranda comenta saída do UFC e mira nova casa – Foto: Jason Silva

Vice-campeão do TUF Brasil 3 em 2014, na categoria peso-pesado, Vitor Miranda acabou derrotado na final da terceira temporada do reality show por Antônio Cara de Sapato na decisão dos juízes.

Devido a boa campanha, Miranda realizaria o sonho de assinar com o UFC e estrear oficialmente no mesmo ano. Aos 35 anos, considerado um dos maiores nomes da luta em pé no Brasil, Vitor chegou à organização com o pé direito e atropelou três adversários em sua nova categoria, os pesos-médios (até 84 kg).

Vitão colocou a primeira vítima na lona com um chute na cabeça seguido de socos, a segunda com uma combinação de socos e cotoveladas e a terceira mais uma vez com chute na cabeça e sequência de socos.

Vitor voltou ao octógono pouco mais de dois meses da última vitória, contra Chris Camozzi, mas não conseguiu soltar o jogo e acabou sucumbindo ao jogo do adversário em sua própria área, a trocação. Vitor revelou dias depois que não havia lutado cem por cento por conta de uma lesão. Ele a tratou e voltou um ano depois, novamente com derrota por decisão para o jovem italiano Marvin Vettori.

A última aparição do catarinense no cage mais famoso do mundo aconteceria em julho deste ano, diante do estreante Abu Azaitar, no UFC Alemanha. Mais uma vez o catarinense deixou tudo lá dentro. Surpreendeu os fãs e o adversário com boas quedas, mostrando a sua evolução no Wrestling e também no Jiu-Jítsu. O marroquino aguentou a pressão no solo e conseguiu colocar a luta de pé, e mesmo sem muita técnica em seus ataques agressivos, conseguiu terminar o duelo em vantagem.

Após o terceiro revés consecutivo, Vitor Miranda acabou demitido. Em um comunicado via Instagram, o catarinense revelou a notícia em detalhes e comentou os planos para o futuro.

– Às 4 horas da manhã levantei para esvaziar a bexiga e por força de um hábito muito feio (eu sei), levei o telefone junto para dar uma olhadinha. Entrei no email e estava lá uma mensagem do UFC: ‘Informamos que a ZUFFA está exercendo seu direito de acelerar o prazo de suas obrigações promocionais previamente firmado entre você (o lutador) e o UFC, com vigência a partir da data do aviso…’. A partir do momento que eu perdi três lutas seguidas no UFC, essa notícia era uma possibilidade, porém, a gente sempre espera o melhor né?! Esperava conseguir mais uma nova oportunidade, refazer minha estratégia de treinamento, mudar de categoria, enfim… Mas a fila anda, roda gira e o capitalismo não faz caridade. Se eu quero rir, eu tenho que fazer rir e isso é um fato! O que me reserva o futuro? Muitas coisas ainda. Já estou negociando com um novo evento, tenho a possibilidade de voltar a lutar Muay Thai, que é a minha paixão de verdade, a minha jornada ainda não terminou, muito pelo contrário, está se iniciando uma nova etapa.
E, cara, somos lutadores, eu e você! A gente não desiste nunca mano!
Se perdemos uma batalha, a gente levanta, bate a poeira e vai em busca no próximo obstáculo, certo? Quero deixar minha gratidão pelo UFC, evento que sempre sonhei lutar.
Quando as coisas são destinadas a acontecer não importa o evento que você luta, a cidade onde mora, a família que você tem. As coisas irão acontecer de qualquer maneira, mais cedo ou mais tarde. Porém, foi estando no UFC que muita coisa maravilhosa aconteceu nos últimos 4 anos. Então, muita gratidão por esse evento grandioso que é o UFC! Eu pude participar do TUF brasil 3 e com isso muitas pessoas conheceram minha história, com a minha contratação pelo UFC realmente pude me tornar uma referência legal de superação dentro e fora do octógono. Pude adquirir um estilo de vida para minha família que a gente sempre buscou. Eu e minha esposa lutamos e nos sacrificamos 12 anos para que esses últimos 4 se tornassem realidade. E agora um novo ciclo de oportunidades se inicia.
Então, não há nada que eu deva fazer diferente de recomeçar e continuar lutando! – postou o atleta nesta última segunda-feira.

DEIXE UMA RESPOSTA