Douglas He-Man chega miudinho e sai grandão: Rio-grandino vence uruguaio Juan González em luta da “vida” e fatura cinturão dos galos do Taura MMA; Matagal e Isaque Moura sagram-se campeões nas divisões de cima

0
747

A oitava edição do Taura MMA surpreendeu pela estrutura à la UFC, tamanha a criatividade e inovação. Realizado em Porto Alegre, dentro do maior shopping do sul, o Barra Shopping Sul, o Taura ofereceu uma enorme variedade de expositores, atividades recreativas, presença VIP de estrelas do UFC e da lenda do esporte Rodrigo Minotauro, além dos foodtrucks espalhados pelo salão de entrada.

He-Man consegue impor jogo de quedas e pontuar para levar o título até 61 kg

Na luta principal e melhor da noite, o rio-grandino Douglas Felipe “He-Man colocou água no chope de Juan González e estragou a festa da equipe da casa, o Team Nogueira Viamão, liderado pelo organizador do Taura, o empresário Djônatan Leão. Juan vinha de seis vitórias consecutivas e chegou a ser cogitado no UFC. Um triunfo sobre He-Man o colocaria mais próximo ou dentro do Ultimate.

Apesar da mídia ter dado enorme atenção à imagem de Juan e do uruguaio contar com o incentivo do “padrinho” do evento Rodrigo Minotauro e de todos os membros da Team Nogueira presentes, lá dentro o He-Man realmente “encarnou” um super-herói, aguentou e respondeu à pressão na trocação e no decorrer do combate encontrou o caminho das pedras no chão. He-Man investiu incessantemente nas quedas e passou a dominar, sempre amassando por cima.

Juan mostrou um coração gigante, chegou a encaixar um armlock, acreditou até o fim, conectou boas sequências de mãos duras, também deu uma bela queda no final, mas não foi o suficiente. Lembrando que Juan perdeu um ponto por conta de uma pedalada ilegal, desferida involuntariamente no calor do jogo.

He-Man literalmente roubou a cena, fez a melhor luta da carreira, engatou o sexto resultado positivo e levou o cinturão dos galos para a pequena porém aguerrida equipe Infinity MMA (Rio Grande-RS). He-Man antecipou em conversa com o MAISMMA antes do confronto que entraria no octógono sem pressão nenhuma, porque era apenas “convidado” da festa – prevendo a possibilidade de se tornar o anfitrião, o rei da noite. 

Ary Farias que venceu por finalização no card preliminar, aproveitou para desafiar o novo campeão: “Não quero ser prepotente, mas acho que sou um dos melhores do mundo na categoria e você não duraria um round comigo”, provocou. He-Man disse que seria uma honra e aceitou de bate-pronto. A próxima edição ocorre no dia 15 de março, em Gramado.

Matagal supera Curado em duelo equilibrado e conquista cinturão dos leves

Herbert Matagal e Lucio Curado precisaram de cinco rounds de disputa acirrada para descobrir o novo campeão dos leves. Curado começou um pouco melhor, atacando com bastante agilidade nos dois primeiros. Matagal teve calma para encontrar o time e aos poucos aumentar o ritmo à medida que Curado diminuía. Em atuação inteligente e intensa de ambos, melhor para Matagal que sagrou-se campeão até 70 kg na decisão unânime dos juízes.

Isaque Moura finaliza Jefferson Aldin e fatura título até 66 kg

Dominante na maior parte das ações, Isaque Moura parecia executar em detalhes todos os comandos do seu controle de “PlayStation”, o técnico Ocimar Santos. O adversário Jefferson Aldin teve o melhor momento numa combinação de socos, seguida de uma joelhada voadora. Isaque permaneceu seguro, sempre caminhando pra frente, até finalizar Aldin com um katagatame no quarto round e levar pra casa o cinturão peso-pena. 

Taura MMA 8 – Resultados completos:

– Douglas He-man venceu Juan González por Decisão Majoritária dos Juízes (CINTURÃO DOS GALOS)

– Herbert Matagal venceu Lúcio Curado por Decisão Unânime dos Juízes (CINTURÃO DOS LEVES)

– Isaac Moura venceu Jeferson Aldin por FINALIZAÇÃO (Katagatame) ao 1:48 do 3° Round (CINTURÃO DOS PENAS)

– Peso-meio-pesado: Marcos Brigadão venceu Marcos Conrado por TKO aos 3:46 do 2° Round.

– Peso-meio-pesado: Leonardo Guimarães x Patrick Quadros – empate

– Peso-galo: Ary Farias venceu Rony Henrique por FINALIZAÇÃO aos 2:27 do 1° Round

– Peso-palha: Thaiane Souza venceu Cris Macfer por Decisão Unânime dos Juízes

– Peso-meio-médio: Raimundo Tubarão venceu André Fishcer – Decisão Unânime dos Juízes.

– Peso-mosca: Felipe Gheno venceu Tarcísio Romano por TKO aos 3:09 do 1° Round

– Peso-pena: Gian Sarturi venceu Jameson Oliveira por TKO (Interrupção Médica)

– Peso-pena: Alexsander Querubim x William Gralha – (No Contest)

DEIXE UMA RESPOSTA